BemMarMeQuer

25 a 26 JANVIER 2019
10h00 e 15h00 - Sexta (para público escolar)
21h30 - Sábado

Teatro Art?Imagem

Auditório da Quinta da Caverneira - Águas Santas, Maia

Une adaptation dramaturgique du texte de Mia Couto “MAR ME QUER” dans une mise en scène dans lequel les protagonistes Luarmina et Zeca dans un exercice entre l'oralité, bien a la manière africaine, et a interprétation acteurel, Ils feront revivre les faits et la vie de leurs ancêtres, apportant à la mémoire et appelant leur rêves, dans une voyage à travers les eaux de le Fantastique Littérature Miacoutiene.

“Nous avons lancé le bateau, rêvons le voyage: qui voyage est toujours la mer”

Plus Informations ...

Oriana, de Sophia de Mello Breyner Andresen

2 FÉVRIER 2019
Teatro a Ler
18h00 - Sábado

Fundo Teatral Art?Imagem / CM Maia

Biblioteca da Quinta da Caverneira - Águas Santas, Maia

No ano do centenário de nascimento da Sophia, vamos relembrar um texto que o Art?Imagem levou à cena em 1997, com dramaturgia e encenação de José Leitão. Este texto fala do mundo das fadas e dos homens, só existindo um porque existe o outro. Oriana, a fada destinada a proteger uma floresta onde além dos animais e das plantas vivem homens. Mulheres e crianças, promete ajudá-los para lhes minimizar a dor, a miséria, o sofrimento e também a solidão. Mas porque Oriana é uma fada imaginada pelos homens, também tem os defeitos dos humanos e... um dia esquece-se da sua promessa...

M/4 . Teatro a Ler
Gratuíto

Para ti, Sophia

2 FÉVRIER 2019
21h30 - Sábado

Trigo Limpo / Teatro Acert

Auditório da Quinta da Caverneira - Águas Santas, Maia

Para ti, Sophia
No ano em que se comemora o nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen, queremos homenagear a autora com um espetáculo criado a partir de ?A Floresta?.
Enquanto nos sentimos ?pequenos? o mundo ainda nos fascina e os ciclos da vida ainda são diários, próximos da natureza e inscritos na memória coletiva? a água (toda ela: na fonte, no lago, no rio ou no mar) lembra-nos sempre, talvez inconscientemente, o ventre materno, esse lugar mágico onde voámos por dentro do estado líquido. O sol, as flores, os animais, o dia e a noite nascem e morrem lembrando-nos que somos efémeros. Enquanto nos sentimos ?pequenos? reinamos, fazendo de conta, e tudo tem a magia dos sonhos, lembrando-nos que a realidade é também o que imaginamos. É fascinante como Sophia escreve, no conto infantil ?A Floresta? (1968), de uma maneira tão simples e tão bonita sobre a sua própria infância e sobre os ?valores? em que acredita numa narrativa que, não deixando de ser simples e bonita, é riquíssima de imagens e cruza o imaginário de vários contos universais. O Trigo Limpo teatro ACERT, em ?Para ti, Sophia?, construiu no palco um pequeno mundo habitado por três atores que se divertem ?reinando? com as palavras da autora e contando esta sua história e acreditando sempre que as coisas extraordinárias e as coisas fantásticas também são verdadeiras.

Ficha Artística e Técnica
Texto - a partir de ?a floresta? de Sophia de Mello Breyner Andresen
Dramaturgia e Encenação: Pompeu José
Assistência de Encenação: Raquel Costa
Interpretação: António Rebelo, Pedro Sousa e Sandra Santos
Cenário e Grafismo: Zé Tavares
Música: Paulo Nuno Martins
Figurinos: Adriana Ventura
Desenho de Luz e Técnica: Paulo Neto
Sonoplastia: Luís Viegas
Produção: Marta Costa
Fotografia: Carlos Teles
Apoio à Produção: Rui Coimbra

M/6 . 60m . Teatro

Los Últimos Paganos

9 FÉVRIER 2019
21h30 - Sábado

Teatro Guirigai - Badajoz / Espanha

Auditório da Quinta da Caverneira - Águas Santas, Maia

"Los Últimos Paganos" decorre nas terras imaginárias de Nivaria, na Hispânia romana do século V. Território pagão em guerra contra os bárbaros, ameaçado pelas ondas da cristianização. Durante a noite do funeral de Máximo - proprietário de uma grande villa - António, o seu mais fiel amigo, é introduzido a um conjunto de antigos ritos secretos, que o guiam a encontrar-se com Máximo no mundo dos mortos. Um encontro que dará resposta a todos os seus medos e incertezas.

Ficha Artística e Técnica
Dramaturgia: Luís Díaz Viana e Agustín Iglesias
Direção: Magda Gª-Arenal
Interpretação: Agustín Iglesias e Asunción Sanz
Cenografía: Damián Galán
Figurinos: Maite Álvarez
Desenho de Luz: Agustín Iglesias
Realização de Vídeo: Nuria Prieto

M/6 . 60m . Teatro

*   BemMarMeQuer - 12 JANVIER - Tondela   *   Maclet, de Shakespeare - Monólogo, 1º andamento - 18 a 20 JANVIER - Maia   *   BemMarMeQuer - 25 a 26 JANVIER - Maia   *   Para ti, Sophia - 2 FÉVRIER - Maia   *   Oriana, de Sophia de Mello Breyner Andresen - 2 FÉVRIER - Maia   *   Los Últimos Paganos - 9 FÉVRIER - Maia   *   Armazenados - 2 MARS - Faro   *   Armazenados - 15 a 16 MARS - Espanha   *   Maia ao Palco - 20 a 27 MARS - Maia   *   Máscaras Contemporâneas - 20 MARS - Maia   *   Os Anos que Abalaram o (nosso) Mundo! - 24 a 25 AVRIL - Maia   *   Os Anos que Abalaram o (nosso) Mundo! - 27 AVRIL - Ponte de Lima   *  
 

*   Spectacles Itinérantes   *